História e Futuro

Desde a época dos faraós egípcios, a quase 5.000 anos, a palma oleaginosa tem sido uma importante fonte alimentícia para o ser humano. O óleo chegou ao Egito vindo da África Ocidental, de onde se origina a Elaeis guineensis, variedade que representa a grande maioria das plantações do mundo.

O Elaeis guineensis (africana) ocorre em várias regiões da África, desde o Senegal até a região da Nigéria. Suas variedades são classificadas de acordo com a sua espessura (endocarpo):

  • Dura – apresenta casca com mais de 2mm de espessura e fibras na polpa. Esta variedade é usada como planta feminina na produção de híbridos comerciais.

  • Psifera – os frutos desta variedade não possuem casca separando a polpa da amêndoa. Ela é usada como fornecedora de pólen na produção de híbridos comerciais.